sábado, 7 de julho de 2018

Resenha: Ainda Sou Eu / Jojo Moyes


Jojo Moyes nos presenteia com mais uma história da querida personagem Louisa Clark, nesse livro mergulhamos em Nova York junto com a Lou para viver aventuras que novamente mudarão sua vida para sempre e irão inspirar nossas próprias vidas.

A Louisa Clark que conhecemos em ‘Como eu era antes de você’ (resenha aqui) nunca havia se arriscado, uma de suas maiores aventuras era contar seus passos até seu trabalho, quem iria imaginar que esta mesma Lou iria se mudar sozinha para Nova York? Por influência óbvia do Will e também devido aos acontecimentos do segundo livro, ‘Depois de Você’, ela enfim decidiu mudar sua vida de uma vez por todas.

Quando Nathan, o fisioterapeuta que conhecemos no primeiro livro, lhe apresenta uma proposta de emprego para ser assistente pessoal da esposa de um milionário de americano, Lou não pensa duas vezes antes de deixar a Inglaterra, sua família e seu Sam, o adorável paramédico, para trás, afirmando claro que o relacionamento continuaria a distância, para encarar esse desafio.

Ao chegar em Nova York, Lou percebe que a cidade não é tudo aquilo que vemos nos filmes, não é nem um pouco convidativa. Ela irá morar em um quartinho nos fundos do gigante apartamento dos  Gopnick e quando conhece a sua chefe pensa logo que as coisas não poderiam ficar tão complicadas como com o Will, já que além do fato de que dessa vez ela não poderia se apaixonar pela chefe, esta família era o estereótipo perfeito, tudo estava no lugar certo, eram lindos e ricos, a vida da chefe era se preocupar com jantares e roupas chiques, nada poderia dar errado, né?

Conforme ela vai conhecendo mais a Sra. Gopnik ela descobre que sendo a segunda esposa, não era bem aceita nos altos círculos sociais e Lou acaba descobrindo o seu maior segredo, que prometer guarda-lo fará com que ela tenha muitos problemas.  

Além disso, em uma das festas em que Lou vai acompanhar a Sra. Gopnick, ela encontra um homem igual ao Will, Joshua Ryan, além de lembrar o Will fisicamente também tem aquele gás de querer conquistar o mundo, e enquanto Lou vai conhecendo Joshua melhor o relacionamento a distância com o Sam vai ficando mais complicado, quando ele tem uma nova companheira de trabalho, as suspeitas de traição tiram Lou do sério.

E nessa confusão de sentimentos é que a Lou enfim se encontra e descobre que ela deve ser quem realmente é, não deve ficar com um cara que acha que suas roupas não são adequadas, não deve ficar com um cara que a traí, não deve basear sua vida nas escolhas de um cara que já morreu, não deve se encontrar em um cara, deve se encontrar em si mesma e no final conhecemos uma Lou empoderada, que com suas meias de abelhinha pode ter o mundo todo em suas mãos se for isso que ela desejar.




Antes de ler esse livro fiquei preocupada porque não gostei muito do segundo, mas me surpreendi, eu amei todo o livro, essa é a Lou que conhecemos no primeiro livro e foi muito bom vê-la conquistar seu lugar, tem uma sequência final muito amorzinho e espero que seja de fato o último livro, deixa a Lou ser feliz Jojo.